Blog

#DuoResponde : A blindagem é um serviço que requer o desmonte quase total do veículo, sabia?

Por toda a carroceria são “coladas” mantas de aramida (um polímero ultra resistente). Já os vidros são compostos por camadas de policarbonato e podem medir até 21 milímetros. Uma boa blindagem deve cobrir também os pneus, colunas, ancoragem do cinto de segurança, maçanetas, retrovisores externos, divisão entre motor e cabine, porta-malas e banco traseiro.

Fotolia_63154_Subscription_L

Por ser um serviço de extremo cuidado, temos lembretes importantes que você deve sermpre levar em conta:

– Todo veículo blindado deve ser registrado na seção fiscalizadora de produtos controlados do Exército brasileiro. Se o carro não possuir o documento à parte, você deverá providenciá-lo.

– Exija sempre o certificado da blindadora, com nome da empresa, nível de proteção prometido e data em que o serviço foi executado.

– Carroceria: Verifique pneus, colunas, ancoragem do cinto de segurança, maçanetas, retrovisores externos, divisão entre motor e cabine, porta-malas e banco traseiro.

– Vedação e acabamento:  Confira as borrachas e se não há peças internas soltas.

– Vidro Elétrico: Apesar de quase nunca se abrir o vidro, verifique se eles sobem e descem normalmente.

– Vidros : Bolhas e descascados não podem passar de 1 cm³. Trincas de até 5 cm não comprometem. Vidros deslaminados e esbranquiçados exigem troca.

E, claro, conte sempre conosco sempre que precisar.